Saúde‎ > ‎

A reabilitação nas águas

postado em 30 de nov de 2018 03:46 por ANA PAULA LOPES VIEIRA PAIVA   [ 30 de nov de 2018 16:55 atualizado‎(s)‎ ]

A água, um dos principais elementos da natureza humana, traz imensuráveis benefícios ao nosso organismo, e quando utilizada como forma de cura apresenta resultados surpreendentes, possibilitando a recuperação física, mental e psicosocial de pessoas com problemas motores e mentais.

Seus efeitos terapêuticos são conhecidos desde os tempos mais remotos. No Ocidente, já na Roma Antiga, os balneários ou termas (como eram conhecidos na época) ocupavam um lugar de destaque na vida e na saúde dos cidadãos. Preocupados em resgatar este valor secular e com o objetivo de oferecer aos frequentadores do centro tratamentos cada vez mais eficazes, a equipe da Fundação Selma, que em 2002 atendeu 14.587 pessoas, utiliza com sucesso, desde 1993, essa terapia.

A hidroterapia é indicada no tratamento de patologias respiratórias, ortopédicas, reumatológicas e neurológicas. Os principais efeitos que a água aquecida (32º a 35º C) causa no organismo são conseguidos através da transmissão do calor às estruturas mais profundas do corpo, como músculos e articulações, propiciando assim o alívio da dor e o relaxamento muscular. Outra vantagem é que em meio hídrico o corpo se torna mais leve e os exercícios são realizados de forma mais suave, com maior liberdade e facilidade, tornando a terapia rica e prazerosa e dessa forma contribuindo no aumento da autoestima do paciente.

A água da piscina terapêutica da Fundação é tratada com sal, o que aumenta sua densidade, favorecendo a capacidade de flutuação do corpo. O centro oferece duas modalidades de tratamento: a hidroterapia convencional realizada pelas fisioterapeutas e a hidroterapia ocupacional, feita por terapeutas ocupacionais.

A terapia ocupacional realizada na água tem como principal objetivo reabilitar o indivíduo para que ele se torne independente em suas atividades da vida diária e prática, direcionando-o, conseqüentemente, para uma reinserção na sociedade.

A Fundação Selma, que realiza em média 60 sessões por semana, conta com uma equipe de hidroterapeutas altamente qualificada, que através de técnicas de relaxamento e alongamento, elabora exercícios específicos para cada caso.

As sessões são individuais e duram 50 minutos. Durante esse tempo o acidentado realiza atividade de flutuação para melhora da amplitude de movimento, alongamentos, fortalecimento muscular, reeducação do equilíbrio e exercícios respiratórios. O trabalho é desenvolvido com auxílio de flutuadores, pesos, step, brinquedos e outros materiais hidroterápicos que promovem o sucesso da terapia.

Segundo as terapeutas, que vibram a cada sinal de melhora de seus "alunos", é incrível a maneira como eles, tanto os adultos como as crianças, reagem à terapia, tornando gratificante este trabalho desenvolvido com tanta dedicação.

A Fundação Selma fica na R. Conceição Marcondes da Silva, 170, Campo Belo.

Comments